Algoritmo detecta pessoas com depressão

O comportamento nas redes sociais e todas as ferramentas utilizadas podem dizer muito mais do que traços objetivos como opiniões expressadas e posicionamento político.

Um estudo realizado nas Universidades de Harvard e Vermont revelou que há uma forte relação entre as fotos publicadas no Instagram e a saúde mental dos usuários com base nas cores escolhidas.

A correspondência é tão significativa que os pesquisadores desenvolveram um algoritmo que pode ser usado para detectar precocemente doenças mentais.

Os cientistas Andrew Reece e Chris Danforth convidaram 500 pessoas da Amazon para o estudo, que começou com um questionário clínico sobre depressão seguido por uma solicitação de acesso às contas no Instagram.

Apenas 166 pessoas concordaram em compartilhar suas fotos e, destas, 70 já demonstravam sintomas de depressão a partir do questionário.

Matéria completa => http://goo.gl/IcfCim

Fonte: Canaltech